quinta-feira, 13 de maio de 2010

ACREDITE SE QUISER!

Dentre essa porrada de e-mails que recebemos diariamente, um em especial me chamou a atenção... e muito. Explico:
Não é só mérito meu, mas trabalhei 30 e tantos anos de minha vida, honestamente. Fiz de tudo um pouco, desde técnico em eletrônica a, finalmente, jornalista. Passei por estágios até chegar a cargos de chefia, o que quero dizer é que fui de módicos salários a pomposas rendas.
E repito, tudo dentro da lei.
Finalmente, há uns meses atrás me aposentei... ebaaaa. Ta brincando né Lídia.. Depois desta vida trabalhada honestamente em várias empresas, ter estudado até o terceiro grau numa universidade particular (caríssima), aberto uma empresa que vingou por quase 13 anos, onde meus cabelinhos brancos pularam como se fossem pipoca (pinto-os, não sou maluca né), ter pagado inúmeros e repetidos impostos para sustentar as cuecas dos políticos safados e adquirido estresses que me custam remédios até hoje. Tudo isto, pra viver dentro da lei e dos padrões estabelecidos pela sociedade.
Dito isto, até como um desabafo, depois desta vida de trabalho honesto, me aposentei com a fortuna (morram de inveja) de UM salário mínimo!!!!!!!!
Toda esta explicação é pra mostrar pra vocês o que nosso amado governo concedeu aos presidiários.

Se você resolver virar bandido e for preso:


DESDE 1º/1/2010 O GOVERNO DÁ O
AUXÍLIO RECLUSÃO ???

Ok, NÃO É PEGADINHA NÃO.

Todo presidiário com filhos tem direito a uma bolsa que, é de R$798,30 "por filho" para sustentar a família, já que o coitadinho não pode trabalhar para sustentar os filhos por estar preso.

NÃO ACREDITA?

Confira no site da Previdência Social.

Portaria nº 48, de 12/2/2009, do INSS http://www.previdenciasocial.gov.br/conteudoDinamico.php?id=22

Agora, experimenta estudar e andar na linha pra ver o que é que te acontece!

Pelamordedeus, se por um acaso esta informação estiver errada, por favor, me corrijam (eu adoraria estar errada, neste caso).

15 Comentários:

lis disse...

Oi Lídia
Nem consigo acreditar no que estou lendo ! e ainda com agravante que a familia costuma visitar o seu preso levando-lhe comidinhas melhores por que o coitadinho é maltratado ,e se duvidar ainda leva armas e drogas "escondida" pra sustentar seu vício.
E ainda haverá quem diga que somos desalmadas em falar assim.
Fico é indgnada com tantos benefícios que a sociedade tem que pagar aos mais pobres porque o governo precisa aplicar o dinheiro fazendo "caridade" quando deveria era fazer presidios decentes, escolas decentes e salarios decentes.Esseé um assunto polêmico , só Deus!! rs
beijinhos querida
e vem chegando a eleição, em quem confiar esse País?

Zininha disse...

Minha querida...

Adorei seu desabafo...
faço-o meu também...

Não está não amiga... poooooode uma coisa destas???

Poooooode sim... é um prêmio para os "coitados"...
Como iriam comprar, colocar créditos nos celulares, e de lá, continuar aterrorizando até o vice-presidente!

A mais nova agora, é ser sorteado, pelo sbt, ou outra rede de tv, Faustão...enfim...
e o prêmio???

Uma casa, um carro, um apto, deixam um numero de telefone e pedem que liguemos de um telefone fixo...

O que acontece depois de se ligar para este número?

Basta colocar na busca... no google...
"seu celular foi sorteado pelo SBT", e vem a resposta....
Afff...
Beijos minha querida...

Eu Já ganhei de tudo...ahahahah...sortuda né?

jefhcardoso disse...

Vemos cada coisa, não é? Mas, sigamos em frente.
Aproveito a sorte de estar aqui em seu blog e lhe convido para opinar em meu trabalho que já dura quase três meses (O Diário de Bronson).

Abraço do Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

Efigênia Coutinho disse...

Lidia, adorei sua postagem hoje, valeu , voce esta coberta de razam.
Uma vida de honestidade e luta,um so salario, e o preso e reforcado com setecentos e tanto por filho,por ter sido preso?
Vale ser honesto?
Efigenia,
ainda em New York
e micro sem acentos ortograficos.

Meri Pellens disse...

Deprimente. Isso que é extímular o crime e a bandidagem.

Querida, bjos na alma e bom fim de semana!

Richard Mathenhauer disse...

Lídia,
Recebi o correio-eletrônico, li e reli, e sinceramente, de duas uma: ou não entendi patavinas, ou não é bem assim, conceder tal valor por filho. Como porém estou na indefinição entre minha limitação e um dos "causos" da net... rs... Só vou comentar que de fato é vergonhoso o sistema previdenciário brasileiro. O que assusta, é a tão pouca divulgada possibilidade de a Previdência "quebrar" daqui a poucos anos, pois não comporta os aportes e o número de aposentadorias num país de regime previdenciário criticável: um senador, por exemplo, é tão vergonhoso aposentar-se no tempo e no valor que aposenta, do que o putativo auxílio aos presidiários (à família deles) dos correios-eletrônicos.

Porém, não podemos desistir do caminho reto. Da sua postagem, o que resta dizer é: parabéns, você faz a diferença.

Abraços,

Vozes de Minha Alma disse...

Lídia vim de novo bisbilhotar as gavetas!
E encontro nelas,o desabafo de uma pessoa que com razão reclama o que lhe é devido.
Valeu teu desabafo, e fsço coro contigo. O cidãdão honesto, cívico, e que quer trabalhar descentemente, esse é espoliado.
O crime no Brasil então, compensa?
É uma tese que poderia ser defendida, e olhe...
Parabéns, um abraço, e que sejamos elos, nessa corrente.
Beijos.

Solange Maia disse...

Faço coro também...

Estou chocada... é por essas e outras que a gente tende a desanimar no que concerne a "política" brasileira...

triste.
lamentável.

beijo grande

Lídia Borges disse...

Olá Lídia!
Um prazer conhecer este seu espaço.

É caso para dizer que afinal "o crime compensa". Vá-se lá saber como o mundo (não) pensa!

Cumprimentos

Clecilene Carvalho disse...

Nem dá para acreditar!
é um incentivo à mais para os fora da lei.

Beijos e uma excelente semana.

A Madrasta Má disse...

Absurdo!!!!!!!!! podiam dar auxílio salão de beleza então, to gastando muito kkkkkkkkkkkkk! bjinhos da Madrasta!

jefhcardoso disse...

Voltei com mais calma, agora. (sorrio)

Lídia, perfeito. O seu desabafo retrata a sincera indignação sua, de trabalhadora honesta por mais de 30 anos, e de cada brasileiro aposentado ou na ativa. Também achei um disparate. Eu que sempre achei que todo detento deveria ser produtivo para restituir a sociedade pelos danos, despesas, perdas, honorários e traumas que “por ventura” tenham causado. Parabéns pela postagem, Lígia!

Lídia, sou eu quem lhe agradece. Grande abraço e tenhamos sorte.Sigamos. Sigamos.

Graça Pereira disse...

Querida Lidia
Depois do teu desabafo...apeteceu-me dizer uma asneira!!!! Não o faço por respeito aos outros....
Realmente quem trabalha...é honesto...é espremido toda a vida com impostos e etc etc...no fim...é pisado como a beata de um cigarro que já não presta mais...
Agora entendi porque é que as cadeias...estão cheias!!!
Beijo,Amiga!
Graça

Elaine Barnes disse...

Caraca! Que realidade triste né?! Infelizmente os honestos são punidos com aposentadoria ridícula e a ficarem presos dentro de suas casas, para não serem assaltados no dia de ir ao banco, receber sua "fortuna"! Que país é esse?
Ah, obrigada pela visita no "Simplesmente Aprendendo". Eu amo os animais. Montão de bjs e abraços

AlziJesus disse...

Olá Lídia!
Estive em visita, e me deparei com este texto que fala a mais pura verdade. Só me resta falar: Maranata! "Senhor vem". Muito bom, parabéns! Estou te seguindo e levando seu banner. Espero a sua visita ao meu,seu,nosso simples Blog !Adoradora e adoradores de Deus. Se gostar é só seguir-me, será uma honra.
Jesus te ama muito e eu também. Até lá!