sábado, 7 de agosto de 2010

ASSIM SOU...


Pior que sou assim mesmo
Vezes sumo
Outras assumo
Vezes desapareço
Pra reaparecer

Porque não ser
Aquilo que sou
Se sou..
Não cobrem
Eu mesma cobro

Às vezes dia
Outras a noite
Às vezes mulher
Outras a maçã
Mordida

Assim sou
Mesma em mim
Procuro o eu
Que sou
Porque sou assim

Esta sou eu
Não entendam
Abracem
Leiam
E, se possível, amem...

10 Comentários:

Meri Pellens disse...

Somos o que somos, isso é o que importa.
Beijos na alma e bom fim de semana!

serpai disse...

Hola,

pues eres como eres y a los demás cabe aceptarte como eres..., respetandote...
Me encantaron tus versos.

Saludos,

Sergio.

Majoli disse...

Então minha querida eu te abraço, te leio e te amo.

Beijos com carinho enorme no teu ♥

Gostei demais de "Assim sou...", me encaixo em muitas linhas e entrelinhas.
Tenha um delicioso final de semana.

Renato Orlandi disse...

ADOREI! Minha vida inteira está neste poema, amei a foto também quero um desses, hehe, me sinto exatamente assim, as vezes assumido, exposto, outras desaparecido... no final só busco o amor né, a aceitação, no meu caso algo o que há além da "tolerância"... principalmente nesse dia de pais... Mega beijos!

Richard Mathenhauer disse...

, então, prefiro ama-la.

:-)

Abraços,

Pelos caminhos da vida. disse...

Adoro seus posts.

beijooo.

JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

É mesmo assim, liás somos todos um pouco assim.
Deixa estar como estás porque estás bem !

Beijinhos
Verdinha

Silvia disse...

Às vezes é difícil ser quem somos. E fingir não ligar para o que dizem.
Bom, é quando não ligamos mesmo..


Adorei

Beijos

Calu disse...

"Estando bem consigo,tudo estará sempre bem".
Poesia e doçura permeiam tuas palavras.
Fique bem!
Bjkas,
Calu

TÂNIA CAVALHEIRO disse...

Te leio, te releio e chego a uma conclusão: AMO TE LER!
E te entender...assim.
Sem mais. Só porque SIM.
SEMPRE!

vamuuuuuu...contigo, seja onde for!
Quando?!
BEIJÃO DAQUELES!