domingo, 12 de setembro de 2010

ENGANOS CONSENTIDOS

Haja enganos. Eu os tenho e, cá entre nós, você também. E porque não os teria se somos humanos. E, em sendo assim, erramos. E ponto.
Que ponto que nada. É no ponto que a história começa. Ou termina..
Sou vitima de mim mesma. Ta, eu explico.
Sou pessoa fácil, beirando a idiotice ou a ingenuidade. Tão fofa. Ah, não esquecendo o detalhe: pisciana. São tão sensíveis, chega dá nojo. Acreditam nas maiores besteiras e em conto de fadas. Aí.. como eu queria ser diferente. Só nascendo de novo. Isso vai ter que esperar a próxima encarnação, tomara existir realmente. E que eu venha pouco mais realista, prática, pé no chão, acordada dos sonhos de fada e menos sensível. Provavelmente não terei um blog como este.
Que mulher fácil de beber, fumar e de se apaixonar. Não to falando só de vícios, são manias. Maniazinha de querer ser feliz, vejam só. Mania de se entregar de copo e alma.. ops corpo e alma. Também não to só falando de amores. Incluo aí , as amizades. Ah, que bela forma de amar. E eu amo, intensamente.
Busco alma gêmea em, praticamente, tudo que se mexe e dê sinais de carinho. 
Que fofa pessoa.
Sou daquelas que chora por músicas românticas, chora por amores fantasiados, por uma mão não estendida, enfim... beirando a babaquice.
Tem vezes que me odeio por ser assim, tão panaca. Outras, até amo por ser uma pessoa legal, politicamente correta, pagadora de contas (tento né) um serzinho amado e que ama.
Engano é uma certeza que não deu certo. Mas, também não deixou de ser uma tentativa.
Troco as fases da lua, assim como as minhas. Às vezes sou alguém, noutras ninguém. Tento escrever uma coisa e desatino em outra. Entro em ruas que já conheço e dobro esquinas retas, quando na verdade queria errar de rua e tropeçar em esquinas desconhecidas.
Esbarro em pessoas que nunca vi, deito na cama com elas e acordo com gosto do amargo de enganos consentidos. Subo no muro e de lá tento enxergar pra onde eu fui.
Bebo uma taça de vinho e na tela rabisco as lágrimas contidas e arrisco uma frase. Tenho um tanto de mim que não conheço e outro que ainda não acertou o beijo. Magôo tanto quando estou perdida, nasci assim. Você não vai conseguir me entender, nem eu consegui.

10 Comentários:

Sonhadora disse...

Minha querida
Entendi tudo o que disseste, quando estamos carentes de amor e carinho...uma mão na mão...um beijo, uma carícia.
Fazemos todas essas besteiras, podes crer, mas isso é viver.

beijinhos com carinho
Sonhadora

Suziley disse...

Hehehe...Lidia querida, é mesmo assim. Então lhe confirmo que você é, divinamente, humana! Escreve com o seu sentimento. Um grande beijo no seu coração, boa noite :)

Majoli disse...

Posso dizer que me encontrei em muito que você escreveu?
Pois bem, me encontrei.
Não sou pisciana, sou taurina, mas sou assim, bobona até demais, acredito em tudo e em todos.
Amo demasiadamente, me entrego de corpo e alma em todo tipo de relacionamento...tropeço, caio, levanto e não aprendo, logo estou a cair de novo.

E assim vou vivendo, sem saber qual caminho seguir, ainda acreditando que vou achar meu princípe encantado...mesmo que ele não exista, mas eu acredito nele.
E é assim minha amiga que vamos tentando aos poucos nos conhecermos, quem sabe isso nunca acontecerá, mas não desistirei, nunca.
Beijos enormes no teu ♥

orvalho do ceu disse...

Olá, Lídia querida
O nosso temperamento é a nossa marca registrada... tem épocas que nos trái... outras nos ajuda...
Esses altos e baixos... essas contradições... essas nuances... nos estimulam a buscar o melhor de nós sempre.
Afinal sairemos contempladas de alguma forma... a vida continua e nós crescemos. Que belo texto!
Ótima semana cheia de paz interior.

Fabiane disse...

Fico cada dia mais impressionada com o que vc escreve...ou não...sei lá! Não espero nada menor vindo de ti.
Vc é tudo que há de melhor!!!
Beijo na alma minha amiga querida

Pelos caminhos da vida. disse...

Já te entendi amiga pisciana.

Achava que só as aquarianas passavam por isso vi que me enganei, em alguns trechos do seu texto me identifiquei.

Uma pessoa de muita luz, paz, amor, saúde, bençãos.

beijooo.

Pelos caminhos da vida. disse...

Mensagem de Boa Noite

Uma Boa Noite repleta de Carinho..
Uma Boa Noite recheada com muita Fé...
Uma Boa Noite imensa com Afeto...
Uma Boa Noite esplendorosa de Luz...
Uma Boa Noite forte com Energia...
Uma Boa Noite encharcada de Coragem...
Uma Boa Noite embrulhada de Esperança...
E uma Boa Noite cheia de Alegria

beijooo.

Calu disse...

Olá Lídia,
vi em tuas palavras essas tão idênticas marcas do ser, que torna cada uma de nós essa beleza humana sempre prestes ao abismo da intolerância alheia, mas totalmente dentro das melhores essências da vida!
Muito belo, muito nosso...ser!
Bjos,
Calu

Richard Mathenhauer disse...

Gostei muito do seu texto, mas, como sempre acontece nas leituras que faço (sejam elas quais forem), sempre há uma frase que me desperta a atenção e que por vezes "rouba a cena": simplesmente adorei o título!
"Enganos Consentidos"

Claro, há uma razão para que a razão se volte a uma frase. Pois, a minha, é que me deixei envolver assim, e, com todo consentimento, deixei-me enganar! rs

Abraços, minha amiga.

Rafael Castellar das Neves disse...

Já vi disso...e dói!!

Muito bem descrito...e que passe logo!!

[]s