domingo, 10 de janeiro de 2010

APRENDIZ

video

JE T'AIME - LARA FABIAN LIVE " NUE -2002 "

Bem que me avisaram, 2010 vai ser 10! No último dia do ano, postei um texto (de Vinícius de Moraes) um tanto melancólico e ao mesmo tempo esperançoso porque assim estava me sentindo. Pessoas e emoções turbilhavam meu coração naquele mesmo momento em que os fogos anunciavam a chegada do novo ano. Um pouco revoltada pelo que deixei de fazer, pelo que me prometi, pelos erros cometidos, por apostar no que não deveria, por me jogar de cabeça e me estatelar na calçada, de quebrar a cara, pelos medos imaginários, pelas lágrimas derramadas, e também... “por adiar decisões”.
De repente, explode o novo ano e com ele nos olhos enxerguei a lua e a ela pedi novos rumos na vida. Pedi, como todo o mundo, saúde, grana, paz, novos e verdadeiros amigos e finalmente um amor. Roguei aos céus, com muita fé, tudo aquilo que me faria feliz. Rezei a Deus que abrisse as portas certas em minha vida. Que iluminasse meus caminhos e os da humanidade para que houvesse um pouco mais de paz e respeito pelo que somos, pelo próximo e pelo planeta. E, como aprendiz que sou, pedi sabedoria.
Com o pipocar dos fogos, revivi minha vida e nela previ a virada. Confesso que me assustei. Mas não tem mais volta, com a idade que tenho e as experiências vividas posso me dar ao luxo de enveredar por caminhos que realmente me façam feliz. E, é isso que estou me propondo em 2010. Viver mais e melhor ..
Quase findando o ano e postando aquele texto, me dei conta de quanto sentimento havia postado aqui, desde o seu início. Coisas que vivi intensamente, pois é assim que sinto a vida, e enxerguei minha vida postada em blog. Bem do jeito que sou, uma pisciana nata de corpo e alma. Alguém que se atira de cabeça nos sentimentos e nas pessoas que me rodeiam.
A cada texto uma história real, a cada emoção uma pessoa especial. Reverencio cada uma delas, porque não teria escrito nada se não houvessem passado pela minha vida. Vivi cada momento deste blog intensamente e assim quero continuar.
Amei, me apaixonei, chorei, frustrei, briguei, revoltei, deprimi, cai e levantei. Quero continuar assim, vivendo.
Me dei conta que aqui derramo minha alma de aprendiz. Foi assim que comecei meu blog, resolvi que nada mais me restava do que ser eu mesma perante a mim e aos outros. Despretensiosa e sem nenhuma experiência, iniciei o derrame de “emoções que vivi” e foram os amigos gostando e incentivando. Empolguei e continuei a publicar aquilo que pra mim significava um filho a
cada postagem.
Como já disse, encerrei o ano aqui postando um texto que não é meu, mas com um grande significado para o momento. E, como não poderia deixar de dizer, agradecendo a todos que me leram durante o ano.
Surpresa! Meu filho foi reconhecido e premiado. E eu sem esperar por isso, fui às nuvens e voltei. Foi um dos dias mais felizes da minha vida.
Lavei a alma com louvor. Sabem vocês que amo minhas palavras que se completam em frases. Senti cada uma delas se fundindo em mim e reconhecendo cada passagem que escrevi. Descrevo momentos marcantes que realmente tocam meu coração e que são muitos, graças a Deus.
Preciso agradecer especialmente a cada pessoa que me fez sorrir ou chorar, pois sem vocês jamais teria sido premiada. Agradecer àqueles que me lêem e incentivam em todos estes momentos. Também estou lisonjeada com os novos parceiros blogueiros que agora me seguem, e eu a eles, comentando ternamente o lugar que criei. Dizer que me sinto honrada e privilegiada pelo prêmio que a Gazeta dos Blogueiros me concedeu e que, além da felicidade que estou sentindo, incentiva mais ainda minha procura pela expressão do amor neste espaço.
Desta vez não vou postar uma imagem acima do texto. Quero que assistam ao vídeo, é assim como ela canta para o seu público que me escrevo para vocês.
Sempre emocionada!

Leia Mais ►