sábado, 14 de abril de 2012

Tu viu a Lua?!


Eu tenho um caso de amor com ela, a lua
Já me fez apaixonar, pedir, namorar, chorar.. sorrir
Encantada e misteriosa, me faz sentir vontade de caminhar à sua luz
Ficar à noite, sentindo a luminosidade que dela vem
Tentando pisar lugares que dela provêm

Sou de lua e da lua, amo mais que o sol, que me perdoe..
Sei que dele vem sua luz, mas cá entre nós
Ela me toca, não queima e me faz delirar
Viajar, me faz lembrar meu beijo no teu sorriso
Beijo a lua e nua te fiz juras

Teu encanto me desgraça, me voa os pés
Enxergo de lá pra cá, como se lá estivesse
Me escrevo e me poeto, só pelo prazer de ti amar
Ficaria noites ti amando, quando cheia ou minguante
Tuas fases me controlam, me deliram, me enlouquecem

Sim.. sou de lua, sou da rua, sou sacana
Mas não saio, não abuso nem lambuzo
Percorro infinitas ruas na tua busca, dona Lua
Se permites te enxergar, vou à luta pra ti pegar
E quando vejo, foi tu que me pegou

Suavemente envolve tua luz, que me entrega
Cúmplice do meu acaso, amante do meu corpo
Teu brilho, me faz desejar minhas loucuras
Quando cheia, me seduz aos piores castigos
Aos melhores delírios, aos incautos desejos

Escraviza meu domínio, algema minha alma
Entrego meu corpo ao teu fascínio
Extingue meu bom senso, me enlouquece
Bane meus princípios e esquece meu inicio
E me entrego a ti e de ti... nunca deveria ter partido.

2 Comentários:

Sonhadora disse...

Minha querida

Um hino à poesia este poema...tinha saudades de te ler.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Marilu disse...

Querida amiga, lindo poema, acredito que todos nós temos um caso de amor com a lua. Tenha um lindo final de semana. Beijocas